Tudo o que foi publicado na categoria ‘computação ubíqua // pervasiva’

PALESTRA

Sistemas de informação ambiente e o design da cidade

Palestra apresentada na Campus Party Brasil de 2015, em São Paulo, sobre Sistemas de Informação Ambiente e seu papel no empoderamento do cidadão de modo que possa influir no desenho da cidade. A apresentação fez parte do painel sobre Visualização de Dados da Campus Party.

sexta-feira, 6 de fevereiro de 2015

Veja esta palestra

ARTIGO
POST

Computação nos objetos do cotidiano

Neste artigo discorro sobre a computação pervasiva e o que significa viver em um mundo onde os objetos passam a ter capacidade de processamento computacional. O artigo foi escrito especialmente para a edição comemorativa de 10 anos da revista Fonte, com o tema “Tecnologias inovadoras e seu impacto na vida do cidadão”. A revista Fonte é editada pela Prodemge, Companhia de Tecnologia da Informação do Estado de Minas Gerais.

terça-feira, 10 de dezembro de 2013

Leia este artigo title="Abre a página do post">Leia este post

POST

QR Code nas calçadas do Rio

A Secretaria Municipal de Conservação e Serviços Públicos da Prefeitura do Rio de Janeiro instalou 2 QR codes no bairro do Arpoador, na Zona Sul da cidade. A curiosidade é que os QR codes foram inscritos nas tradicionais calçadas de pedras portuguesas. Quem tiver um telefone celular com um programa para leitura de QR Codes […]

segunda-feira, 28 de janeiro de 2013

Leia este post

POST

MyMagic+ MagicBand (Disney e RFID)

Em 7 de janeiro de 2013, o Blog da DisneyParks deu uma pequena mostra do que pretendem fazer neste ano. Usando diferentes canais de acesso (aplicativo para celular e sua versão web, além de uma pulseira de identificação por radiofrequência), os visitantes podem de antemão planejar toda a sua estadia nos parques temáticos e agilizar […]

quinta-feira, 10 de janeiro de 2013

Leia este post

POST

Enfim, doutor

Dia 19 de agosto, finalmente, ocorreu minha defesa de tese de doutorado. O rito de passagem após um processo de longos e solitários 4 anos e ½. As críticas da banca foram muito apropriadas e construtivas. Apontaram pontos fracos da tese, que eram justamente os que eu considerava os mais frágeis do trabalho. Mas foram […]

quinta-feira, 1 de setembro de 2011

Leia este post

ARTIGO

Design de interação e computação pervasiva: um estudo sobre mecanismos atencionais e sistemas de informação ambiente

Tese apresentada ao Programa de Pós-Graduação em Design da PUC-Rio como requisito parcial para obtenção do grau de Doutor em Design. Investiga os diferentes mecanismos atencionais envolvidos na utilização de sistemas de informação ambiente. Para tanto, conceitua e delimita a “computação pervasiva” – a partir da qual componentes computadorizados passam a compor o ambiente e os objetos do cotidiano –, e discute as conseqüências do uso desta tecnologia, no que se refere aos impactos sociais, implicações ambientais, questões de segurança e privacidade, destacando o papel do design nessa problemática. Apresenta a evolução do design de interação, explicitando sua relação com o projeto de mídias interativas. Propõe ampliar o campo de atuação do design de interação, considerando que a tela do computador deixou de ser a principal interface com o ambiente digital, e que o projeto da interação no contexto da computação pervasiva exige uma abordagem sistêmica. Apresenta o conceito de tecnologia sem estresse (calm technology), de Weiser e Brown (1996), e aprofunda a discussão iniciada por estes autores sobre a necessidade de se projetar sistemas de informação que atuem na periferia de nossa atenção, com base nos estudos da Psicologia Cognitiva sobre mecanismos atencionais. Destaca os sistemas de informação ambiente como aqueles que mais se apropriam da idéia de apresentar informações sem exigir o foco de nossa atenção. Analisa doze sistemas de informação ambiente, investigando o modo como envolvem os mecanismos atencionais. Conclui que a definição original de Weiser e Brown (1996) não é suficiente para descrever a miríade de processos envolvidos com a captação da atenção, e aponta linhas mestras para o design de sistemas de informação ambiente, de maneira a considerar a dinâmica entre os diferentes mecanismos atencionais, o contexto de uso, o grau de engajamento do usuário, a influência da memória e a capacidade de habituação aos sistemas de informação.

sexta-feira, 19 de agosto de 2011

Leia este artigo

PALESTRA

Design de interação e computação pervasiva: um estudo sobre mecanismos atencionais e sistemas de informação ambiente

Apresentação feita durante a minha defesa de tese de doutorado, no Programa de Pós-Graduação em Design da PUC-Rio.

sexta-feira, 19 de agosto de 2011

Veja esta palestra

POST

Design de Interação e Computação Pervasiva

Estou preparando uma disciplina para o semestre que vem (2011.2), na UFES. Vou tratar de Design de Interação e Computação Pervasiva, assuntos que discuti na minha tese de doutorado (a ser defendida em Agosto!). Cartazete que fiz para anunciar a disciplina na UFES. Veja uma versão do cartaz evidenciando o seu grid, no meu Flickr. […]

domingo, 3 de julho de 2011

Leia este post

ARTIGO

Designing for the periphery of our attention: a study on Ambient Information Systems

This paper discusses a specific category of information systems known as Ambient Information Systems. These systems present information in a non-intrusive manner, acting mostly on the periphery of our attention, following Mark Weiser’s concept of calm technology.

The major concern that drives the development of these systems can be summarized in two aspects: first, as pervasive computing increases, ordinary objects are becoming capable of processing and displaying data, thus the consumption of information will occur in many different contexts, which may contribute to an information overload, generating stress. The second aspect is that Design plays a major role in developing better ways to deal with this information overload. For a long time designers have been studying how to design communication systems that drive our attention, but little research has been done in exploring how to design communication systems that act upon the periphery of our attention.

In this paper four Ambient Information Systems are discussed, highlighting their characteristics and limitations. As a conclusion, the author proposes an agenda of topics that should be tackled to advance future research on this subject.

quarta-feira, 7 de julho de 2010

Leia este artigo

PALESTRA

Designing for the periphery of our attention: a study on Ambient Information Systems

Presentation made at the 2010 Design Research Society Conference, in Montréal, Canada.

quarta-feira, 7 de julho de 2010

Veja esta palestra

mais antigos »