quinta-feira, 1 de setembro de 2011

Enfim, doutor

Dia 19 de agosto, finalmente, ocorreu minha defesa de tese de doutorado. O rito de passagem após um processo de longos e solitários 4 anos e ½. As críticas da banca foram muito apropriadas e construtivas. Apontaram pontos fracos da tese, que eram justamente os que eu considerava os mais frágeis do trabalho. Mas foram muito generosos comigo e sequer solicitaram que fizesse alterações.


concentrado, minutos antes de começar a defesa

A banca foi composta pelos professores doutores Luciano Meira (psicologia cognitiva, UFPE), Rogério Camara (design, UnB), Denise Filippo (informática, Esdi/UERJ), Jorge Lopes (design, PUC-Rio e INT), Nilton Gamba Jr. (design, PUC-Rio) e minha orientadora Rejane Spitz (design, PUC-Rio).


Da esquerda para a direita: Rogério Camara, Denise Filippo, eu, Luciano Meira, Nilton Gamba Jr. e Rejane Spitz. Jorge Lopes teve que sair correndo logo após o encerramento dos trabalhos.

Na seção ‘palestras’ aqui da Feira coloquei o material apresentado durante a defesa.

4 comentários
Categorias:
permalink

4 comentários

  1. Muito bom! Quero ler a tese, quando vc puder divulgar!

    Abra!

    Dudu
    sexta-feira, 2 de setembro de 2011
    16:03
    permalink
  2. Valeu Dudu.

    Estou só tomando fôlego pra voltar à tese, fazer uma nova revisão e acertar alguns pontos que a banca sugeriu (vai ficar melhor). Depois é só a PUC liberar a numeração identificadora da publicação.

    Em algum momento vai estar disponível no sistema online de teses e dissertações da PUC, mas antes disso aparece por aqui. :-)

    Mauro Pinheiro
    sexta-feira, 2 de setembro de 2011
    16:10
    permalink
  3. Parabéns Mauro! Grande conquista. Sua tese será muito importante para mostrar aos designers o quanto eles são importantes para o futuro da tecnologia.

    Frederick van Amstel
    quarta-feira, 7 de setembro de 2011
    8:46
    permalink
  4. Valeu Fred. Estamos juntos nessa! Grande abraço.

    Mauro Pinheiro
    quarta-feira, 7 de setembro de 2011
    12:36
    permalink

Fique à vontade, faça o seu comentário!




Seu comentário: