sexta-feira, 7 de abril de 2006

Design da Informação

Atualmente participo de um outro blog, focado em design para Internet, organizado pelo meu amigo Felipe Memória.

Como tem gente que não vai lembrar de visitar o site de vez em quando, vou começar a fazer post casado, como diz o Jampa. Lá vai:
——-
Lendo o post do Saddi sobre ‘User Model Diagram’ do Flickr, percebi que há uma certa dificuldade em entender o diagrama apresentado. De fato, o diagrama (que não analisei) parece a primeira vista um pouco confuso.

Sem entrar no mérito desse diagrama em si, a discussão me pareceu oportuna para indicar alguns livros que considero fundamentais para quem tem interesse nesse tipo de trabalho, que busca apresentar dados complexos, processos, através de diagramas, gráficos e coisas semelhantes. É o que chamamos de Design da Informação – ou Information Design, para os que só sabem falar termos em inglês ;-)

Minha dica é começar por um pilar nesse assunto, o Sr. Edward Tufte, um papa do design da informação, com livros publicados nessa área há mais de 10 anos.

Sugiro:

Além desses, tem um livro bem interessante, talvez menos denso, mas repleto de exemplos bacanas e elucidativos:
Information Graphics: Innovative Solutions in Contemporary Design

Outro que não conheço, mas que tive a oportunidade de assistir uma palestra do autor, Sr. Paul Mijksenaar:
Visual Function : An Introduction to Information Design

Paul Mijksenaar é o autor de uma série de projetos de sinalização bem sucedidos, como o do areporto Schiphol, em Amsterdã (veja o projeto aqui). Tive a oportunidade de ver esse aeroporto, sem nunca ter lido nada a respeito do projeto de sinalização, fiquei encantado e tirei várias fotos. Anos depois soube que tratava-se de um projeto de sinalização conhecido por sua eficiência. Assisti sua palestra no 2º Congresso Internacional de Design da Informação, em 2005, e achei bem interessante. Acredito que o livro seja bom, mesmo que seja apenas uma introdução ao assunto.

Acho Design da Informação bem interessante, e tenho procurado tratar disso em sala de aula, na disciplina de projeto de sinalização que ministro atualmente. Claro que não dá para fazer muito mais do que apresentar o tema, mas já tive resultados bem interessantes dos alunos simplesmente por conta desse breve contato com o assunto.

Projetar diagramas, esquemas, gráficos não é nada fácil, e devo confessar que era uma das coisas que mais gostava de fazer quando trabalhava como designer/arquiteto de informação. Volta e meia tinha que criar um diagrama para explicar um processo ou a lógica de funcionamento de um novo produto e me divertia muito fazendo isso, apesar de nunca ter sido um infografista. Sou um designer que eventualmente projeta infográficos.

Tenho outras dicas de livros no minha lista da Amazon. Convido-os a conhecê-la!

sem comentários
Categorias:
permalink

Sem comentários até agora...não quer ser o primeiro? ;-)

Fique à vontade, faça o seu comentário!




Seu comentário: